Vila Yolanda sofre com trânsito diário por demora na duplicação de importante avenida.

A foto ao lado retrata o Largo do Salgado no bairro Vila Yolanda, na cidade de Osasco. Os motoristas passam cerca de 30 minutos em um percurso que sem trânsito levaria no mínimo 5.

Recentemente foram instalados semáforos no Largo, que de fato ajudaram na organização, porém o trânsito aumentou drasticamente depois da instalação dos mesmos.

Os motoristas reclamam dos congestionamentos frequentes no trecho que ficou de fora da primeira fase da duplicação, entregue em 2009. O trecho conta com apenas uma faixa de cada lado. “Aqui é sempre congestionado”, diz o mecânico Vitor Salomão.
Para o motorista Nilson Coutinho, “é normal o trânsito aqui ser
lento, mas nos horários de pico é terrível”. “Faz tempo que falam que esse trecho vai ser duplicado e não acontece nada, vamos ver se agora sai”, completa.
Para duplicação do trecho, a favela às margens do córrego João Alves, que passa pela via, será urbanizada, com construção de 360 moradias, segundo a Prefeitura. O córrego deve ser canalizado.
Também está prevista no projeto a bifurcação na Visconde de Nova Granada, com um lado fazendo a ligação com a avenida Flora e o outro, através da construção do primeiro túnel da cidade, com 165 metros, fazendo a ligação com a avenida Sarah Veloso.

A prefeitura de Osasco disse que a conclusão total das obras da avenida serão entregues no final de 2016.

Postagens mais visitadas deste blog

Manual para se entender um osasquense

O extremo potencial turístico de Osasco

E se a Zona Norte de Osasco virasse mesmo uma cidade?